Por que a repercussão sobre o lubrificante da Carla Diaz é importante

Atualizado: 2 de mar.



Um simples lubrificante deu o que falar hein, gente! Pois bem...dias atrás Carla Diaz postou uma foto nas redes e havia um lubrificante ao lado de sua cama. Isso foi o suficiente para o post viralizar e ela receber muitas críticas e também mensagens de empoderamento. A repercussão foi tanta que até chegou na mídia internacional em jornais como New York Post e The Sun. A ação de marketing, que deu muito certo, somente foi revelada após todo o burburinho.

Mas o que há por trás de tanta repercussão? Que o sexo é ainda tabu. Sim, gente, a Carla Diaz transa!! E que bom!!! Ela não é atriz mirim há muitos anos já. E mais: o uso do lubrificante por mulheres ainda é julgado. Vamos desmistificar esse produto de uma vez por todas? Mulheres, não tenham medo de colocar o lubrificante na sua rotina sexual porque, além de te ajudar no sexo em si, hoje as chamadas femtechs (empresas lideradas por mulheres que trazem soluções para a saúde feminina) possuem produtos muito bem testados, orgânicos, naturais, próprios para a saúde da vagina - no caso dos lubrificantes.

Ou seja, além de o sexo ficar mais gostoso, este item pode ter componentes que hidratam, cicatrizam e equilibram o PH da flora vaginal.

Algo muito comum entre as mulheres é a vergonha de usar o lubrificante. Tenho relatos de pessoas que perguntam à parceria se podem usar na cama. Não pergunte e sabe por quê? Porque a dona do seu prazer é você e não o outro. Apenas pegue e o aplique de forma natural, desmistificando o uso. Veja o produto como sinônimo de bem-estar e não que você não está lubrificada o suficiente ou sem tesão.

Lubrificante é para todas as idades. Não é vergonha usar e sim uma questão de autocuidado e proteção. Pense nisso na sua próxima relação sexual...


LEIA MAIS: + Como você é na cama? Faça o teste! + O BDSM na TV

+ Testei o vibrador com despertador para o sexo matinal


Texto originalmente publicado para o site da Vogue Brasil.