Namore-se...


Datas comemorativas são bacanas para quem faz parte do grupo de pessoas contempladas pela celebração mas, por outro lado, também exclui. E o Dia dos Namorados que o diga, não é mesmo? Mas pare de se sentir inferior ou excluída! Use essa oportunidade para se amar ainda mais, até porque a sua companhia é muito preciosa...


Vamos nos celebrar o dia com momentos de autoamor:


-Almoce com pessoas que você curte: aqui pode ser amigos, família, pessoas do trabalho. Reúna um grupo de gente querida em casa (até porque os restaurantes estarão lotados no domingo, por conta da data, e você não precisa de aglomeração desnecessária), prepare um cardápio delicioso e cozinhe juntos regados a drinks e petiscos. Jogar conversa fora faz um bem danado e é um ótimo astral. Dica: aqui vocês podem até falar dos dates e matches desastrosos e rirem com as experiências.


-Prepare aquele momento da beleza: aqui entra um ritual de autocuidado e muitas fragrâncias. Esfolie o corpo, faça máscara facial, use cremes e óleos, tome um banho longo, toque-se, use seu perfume favorito. Tudo sem pressa. Lembre-se que o compromisso é com você mesma.


-Escreva seus desejos: qual seria sua parceria ideal? Liste num papel atributos físicos, emocionais, profissionais, de personalidade e caráter. Olhe com atenção a tudo que escreve e pergunte-se: "por que eu ainda não atraí esse tipo de pessoa para minha vida?" "Eu estaria à altura dessa pessoa se ela surgisse à minha frente?" Se não, "o que eu poderia melhorar em mim?" (autorreflexão também é importante porque ninguém é perfeito mas sempre pode melhorar, né!)

São 3 dicas simples que você pode fazer sem sair de casa e de quebra se divertir, passando o Dia dos Namorados de forma leve e construtiva! Aliás, você nem precisa esperar a data para fazer isso. Adote esses rituais como uma forma de amor-próprio e um cuidado com você mesma.


LEIA MAIS:

+ Por que uma mulher livre incomoda tanto? + "Fundamentos do Prazer" traz a sexualidade feminina para a TV + O erotismo como parte da rotina de autocuidado


Texto originalmente publicado para o site da Vogue Brasil.